Textual description of firstImageUrl

O Windows 10 vai consumir mais memória ram


Prepare o bolso pois o Windows 10 está consumindo mais memória RAM do que antes.


A mais recente build do sistema operacional Windows 10 do programa Microsoft Insiders traz agora uma novidade que pode ser consideravelmente mal interpretada por muitos usuários: O Windows 10 vai consumir mais memória RAM.
windows-10-vai-consumir-mais-memória-RAM
Na verdade isto é até benéfico para o Windows 10, pois a Microsoft a cada nova build do sistema apresenta novidades que melhoram ainda mais sua performance e estabilidade. O Windows 10 vai sim consumir mais Megabytes de Memória RAM devido a desagregação de muitos processos do sistema. Você vai ver, isso é útil !

A nova build do sistema que foi lançada no final da semana passada, traz um conjunto de novidades que irão ser testadas até se tornarem capazes de incorporar as novas versões finais do Windows 10.

Entre estas modificações está uma modificação que passará bem despercebida pela maioria dos usuários, mas que vai mudar a forma como o Windows 10 trata dos processos do próprio Windows como sistema operacional.

Quem é um usuário avançado deste Sistema Operacional conhece bem o processo svchost.exe e sabe que o mesmo existe desde o finado Windows 2000.

Este processo chamado de svchost.exe agrupa (preste atenção aqui) e controla muitos dos processos que estão sendo executados pelo próprio Windows, conseguindo assim poupar memória e outros recursos.

Esta idéia era muito boa no Windows 2000, Windows XP e Windows 7, sim isto fazia sentido quando foi lançado pois as máquinas na altura tinham pouca memória ram.

Sabe-se que a Microsoft entende que há cada vez mais memória ram disponível nos computadores onde o Windows está instalado. Desta forma, a Microsoft quer agora separar estes processos e passar a gerenciá-los de forma isolada. O resultado prático e imediato é o aumento do consumo de memória ram no Windows 10. Tranquilo !
windows-10-memoria-ram
Um detalhe extremamente importante é que o sistema operacional Microsoft Windows 10 só utilizará este recurso de separação de processos em computadores ou notebooks que possuírem mais de 3,5GB de memória RAM. Simples, não ?

Algumas vantagens podem ser notadas neste tipo de alteração. Passando a termos mais controle sobre os diferentes processos do sistema, isolando-os, e, em caso de problemas, estes processos não afetarem os processos restantes resultante em crash ou Blue Screens (Tela Azul).
Escolha hospedagem ou nuvem
O Gerenciador de tarefas passará a exibir mais informações sobre cada processo, logo, será possível ter um maior controle sobre cada um dos processos, tanto de CPU como Memória RAM. Fantástico isso para nós Administradores de Sistemas.

Ainda vai demorar algum tempo tudo isto ser disponibilizado, acredito que em uma grande atualização do Windows 10 isso estará disponível.

Gostou do artigo ? Comente, curta e compartilhe !

Aproveite e dê uma olhada nos 10 artigos mais lidos no site !