Textual description of firstImageUrl

Os PCs Desktops continuam firmes


O exagero na morte dos computadores de mesa chamados de desktop foi realmente um tiro que saiu pela culatra, para a Apple e a Microsoft, os PCs ainda são um bom negócio.


Lembram da matéria que eu escrevi (aqui) sobre não concordar que os smartphones e tablets estavam substituindo os notebooks, laptops ou desktops ?
os-pcs-desktops-continuam-firmes
Pois é, eu tinha razão porque eles vão conviver lado a lado com os dispositivos móveis.

Normal que as vendas de PCs desktops caíram 8% ao longo dos últimos quatro trimestres na comparação ano a ano, e, estão 28% abaixo do pico de cinco anos atrás.

Isto tudo segundo as informações da firma de pesquisa IDC sobre o setor. É um mercado limitado pelo fato de que a maioria dos consumidores que precisam de um computador já tem um e raramente o substitui.

É claro, desktops sempre duram mais, é um fato incontestável !

Mas saibam que quase 200 milhões de computadores PCs desktops  foram vendidos no mundo no ano de 2016. Então, claramente há um mercado que as empresas de tecnologia não podem ignorar.

Olha só o caso do Dell Smart Desktop bem aqui !

Por isso, a Apple renovou sua linha de computadores MacBook Pro acrescentando uma nova interface de toque no lugar das teclas tradicionais.

Na mesma semana, a Microsoft lançou no mercado um novo Desktop chamado Surface Studio que é uma máquina luxuosa com tela de toque. Seu preço inicial seria de pelo menos US$ 3 mil segundo estimativas, isto lá nos Estados Unidos, imagina aqui com os impostos e a crise no Brasil deixando o dólar estratosférico !
Serviços inteligentes
As gigantescas Apple e Microsoft têm razões para querer manter sua presença do mercado de PCs Desktops, principalmente no segmento mais caro, no qual o desenho de componentes de alta qualidade e super ultra finos obtém preços elevados.

As vendas de PCs de alto desempenho devem crescer 11% em 2017, segundo o Gartner Group.

A firma de pesquisa de mercado prevê que essa categoria seja responsável por 23% de todos os PCs vendidos em 2017 em comparação com 15% no ano passado.

É claro que as gigantes não querem ficar de fora não é ?

Gostou deste artigo ? Compartilhe sua opinião abaixo por favor !

Aproveite e dê uma olhada nos 10 artigos mais lidos no site !