Textual description of firstImageUrl

O que é o Processo COM Surrogate Windows


Quem é, e o que faz o Processo COM Surrogate que aparece dentro do Gerenciador de Tarefas do Windows ?


Bem, pra começar, se alguma vez você deu uma olhada no Gerenciador de Tarefas do Windows com atenção, provavelmente você se deparou com um pequeno processo denominado de “COM Surrogate”.
o-que-e-o-processo-com-surrogate-windows
Este processo costuma aparecer utilizando pouca ou nenhuma utilização de recursos de seu computador.

Porém, se você olhar com frequência o Gerenciador de Tarefas, verá que ele sempre está listado, e , na maioria das vezes os usuários não sabem exatamente para que serve este processo.

Lá no Gerenciador de Tarefas é possível verificar que o Com Surrogate carrega um arquivo com o nome “dllhost.exe”, que encontra-se presente em praticamente todas as versões do Windows desde o Windows XP.

Ok, mas para que serve exatamente o processo Com Surrogate ?

Abaixo o Gerenciador de Tarefas com o "Processo Com Surrogate" listado.

com-surrogate
Vamos destrinchar algumas coisas:
COM refere-se a “Component Object Model”, sendo isto uma interface que a Microsoft desenvolveu em meados de 1993.

Isso mesmo, você não leu errado: 1993, ainda usávamos Windows 3.1 e NT 3.5 !

Esta interface permitia aos programadores criarem objetos “COM” em diferentes linguagens de programação.

Isto foi fantástico na época pois permitia que os objetos COM se interligassem com outras aplicações para expandir funcionalidades próprias. Como eu disse: Fantástico !

Um exemplo:
O Windows utiliza vários objetos COM para criar miniaturas de arquivos quando um usuário abre uma pasta com várias imagens ou vídeos dentro dela tratando processos de criação e armazenamento de miniaturas.

É claro que existem situações em que isto pode acarretar problemas em casos onde não existam objetos COM.

Caso isso ocorra no processo destas tarefas, o Windows iria bloquear o processo principal correspondendo ao processo “explorer.exe”, o que iria deixar o usuário sem UI - interface gráfica no sistema operacional.

Mas existe uma mágica a ser feita, e é aqui que entra o “Processo COM Surrogate”.

Este minúsculo processo permite que estas tarefas sejam realizadas dentro deste processo especifico, isoladas do processo principal.

Desta forma, caso ocorra algum problema ou erro no sistema, o bloqueio ocorrerá somente sobre o Processo COM Surrogate não prejudicando outras aplicações no sistema operacional. Um show isso !

Como a própria Microsoft informa e descreve:
O Processo COM Surrogate é um "processo de backup” que pode ser utilizado pelos programadores caso pretendam evitar que certas tarefas causem o bloqueio total do processo principal afetando a estabilidade do sistema.

Ah, beleza, e quanto ao nome do arquivo “dllhost.exe“ ? Este foi dado porque o mesmo armazena sobretudo arquivos DLL dos programas. Sacou ?

Como posso verificar a utilização do Processo COM Surrogate?
Por padrão, o Gerenciador de Tarefas não indica quais as aplicações que fazem uso do “COM Surrogate”.

No entanto se você utilizar o utilitário da Sysinternals - Process Explorer você consegue verificar quais os objetos COM ou DLLs que se encontram dentro do mesmo.

Vale a pena desativar o COM Surrogate ?
Bem, acho que fica bem claro que não ! Pois este processo é essencial para o Windows desde seus primórdios, também sendo utilizado por muitos componentes. Então, não deveria ser desativado ou removido.

Se você viu no Gerenciador de Tarefas mais do que um "Processo COM Surrogate”, saiba que isso é completamente normal, e que foi provavelmente iniciado por outra aplicação dentro do sistema operacional ou por alguma aplicação de terceiros. Não faça nada com estes processos por favor !

O Processo COM Surrogate é algum Vírus ou Ransomware ?
Não, meu caro ! O Processo COM Surrogate não é um vírus nem Ransomware, porém pode ser utilizado como plataforma para tal fim.


Por exemplo, sabe-se que vários tipos de Malware e Trojan utilizam o COM Surrogate para realizar suas atividades, pois foram criados com Components Objects Model e dependem de outros processos para executarem determinadas tarefas.

Fique atento ao fato de que caso verifique um elevado número de processos COM Surrogate em seu sistema, utilizando recursos demasiados de forma permanente, aí sim é possível que você esteja infectado por algum tipo de vírus e o mesmo está realizando atividades prejudiciais.

Recomendo que mantenha seu software antivírus atualizado sempre, realizando análise do sistema operacional semanalmente.


"4 erros que podem acontecer com o Processo COM Surrogate"

1 - O COM Surrogate parou de funcionar:
Tente desinstalar seu programa de antivírus e instalar novamente após testar se o Com Surrogate volta a funcionar. Sugiro também que você adicione o COM Surrogate nas exceções do antivirus, pelo menos para testar se funciona.

Se você tem problemas com o Windows XP, Windows 7 ou Windows Vista aparecendo o Erro "Com Surrogate Parou de Funcionar", então;  algumas vezes no Windows XP e Windows 7 eu precisava adicionar/ativar o arquivo “dllhost.exe” que se encontra em "C:/Windows/system32/" no DEP do Windows XP ou Windows 7, mas já fiz isso no Windows Vista também.

2 - O COM Surrogate parou de funcionar e exibe uma mensagem sobre codecs:
Verifque se excluiu, instalou ou desinstalou algum programa relativo a exibição de videos, talvez o problema possa estar em algum codec defeituoso. Desinstale e instale novamente seus players de video e seus codecs se for o caso.

3 - O COM Surrogate exibe uma mensagem de erro quando abro qualquer pasta que possua um .avi, .mp4 ou .mkv:
Este é o mesmo caso anterior, verifque se excluiu, instalou ou desinstalou algum programa relativo a exibição de videos, talvez o problema possa estar em algum codec defeituoso. Desinstale e instale novamente seus players de video e seus codecs se for o caso.

4 - O COM Surrogate exibe mensagem de erro relativo a video:
Bem, isso pode ocorrer devido falha de driver de sua placa de video ou até de algum player - programa de video como dito acima. Tente desinstalar todos os drivers de sua placa de video e reinstalar novamente.

Conclusão:
Podem haver mais erros no COM Surrogate, porém os que já vi acontecer uma dúzia de vezes com frequência são os 4 erros acima. O Processo Com Surrogate é um componente antigo, porém atualizado e utilizado por vários outros programas. Deixe-o quietinho aí que não é um vírus no seu sistema, basta ficar atento.

Gostou do artigo ? Comente, curta e compartilhe !

Gostou do que você leu ? Então compartilhe agora !

OS 10 ARTIGOS MAIS LIDOS NO SITE !